Como FazerEmpreendedorismo

Como Montar Um Food Truck Passo a Passo

Uma das formas mais rentáveis atualmente de construir seu negócio próprio no ramo alimentício, e ao mesmo tempo fazer com que o mundo saiba da existência da sua marca é através de um food truck.

Apesar de não ser um negócio mais tão comum, eles podem virar um sucesso nas mãos de pessoas com boa visão de mercado e com planos em potencial para potencializar o negócio móvel.

Podemos até mesmo arriscar o palpite de que um bom carrinho de comida possa ser tão rentável quanto um grande restaurante.

Afinal de contas, é muito mais prático passar em um carinho quando se está com pressa do que ir até um estabelecimento fixo, uma vez que o dia a dia das pessoas modernas é muito movimentado e corrido.

Se você está pensando em montar o seu negócio sobre rodas, veio ao lugar certo, pois nós temos para você as melhores dicas e montamos um passo a passo para que o seu food truck seja um negócio de sucesso.

História do food truck

A ideia de vender comida sobre rodas não é nenhuma novidade, muito pelo contrário, os carrinhos de comida são tão antigos que nem mesmo poderíamos citar um momento específico na história para o surgimento deles.

No entanto, podemos citar o nome de Walter Scott, um americano que começou a vender cafés, tortas, sanduíches e lanches pelas ruas em um carrinho no ano de 1972.

O negócio dele foi muito copiado por outras pessoas e tornou-se uma forma rentável de oferecer comida para as pessoas sem ter um estabelecimento comercial em um prédio ou uma casa.

Thomas H. Buckley foi um sujeito que aprovou tanto a ideia do food truck de Walter que começou a fabricar essas carrocinhas de comida com intuito de chamar a atenção das pessoas, colocando nelas todos os equipamentos para a confecção de lanches.

Não precisamos dizer que isso fez muito sucesso nos Estados Unidos naquela época, não é mesmo?

Assim começaram a ficar populares os carrinhos de comida, ou melhor dizendo, o foodtruck que hoje conhecemos.

O Brasil demorou um pouco mais para ter a forma de negócio como popular, mas hoje também é rentável aqui.

Como funciona um food truck?

Food Truck

Essa é uma pergunta muito simples para ser respondida, mas vale lembrar que a resposta pode ser variada, de acordo com aquilo que você tem em mente, pois cada pessoa tem pretensões diferentes em negócios semelhantes, não concorda conosco?

Um foodtruck pode vender doces, salgados, quentes, frios e assim por diante. A variedade é um dos pontos positivos no negócio sobre rodas.

Você só precisa ter uma carrocinha, um trailer ou até mesmo um carro especifico para tal fim e instalar tudo aquilo que for preciso para que o seu negócio possa funcionar e você consiga produzir o que vai oferecer para as pessoas.

No aspecto geral, podemos adiantar que você irá precisar de fogões, refrigeradores e outros equipamentos que irão variar de negócio para negócio.

Como dito antes, tudo depende das suas pretensões com o carrinho de comida.

Quanto custa e como montar um food truck são as perguntas mais frequentes nesta hora, mas fique tranquilo, pois vamos tratar disso mais a frente.

A importância de uma marca atrativa

Muitos destes que se perguntam sobre como montar um food truck esquecem de um fator muito importante para qualquer negócio: ter uma marca atrativa.

Quando você vai até uma loja de roupas caras, você sabe que o fato da marca ser conhecida é um dos fatores que faz as roupas serem vendidas por preços altos, não é mesmo?

Isso acontece com sapatos, eletrônicos, móveis e muitos outros nichos.

Sendo assim, por que sua marca não iria influenciar nos seus lucros?

A partir do momento que você colocar em mente que irá ter um foodtruck, é necessário colocar em prática a velha estratégia de marketing que os comerciantes uteis, ou seja, procurar motivos para que as pessoas escolham o seu serviço e o seu produto ao invés de escolherem o da concorrência.

Nesta era de tecnologias onde as pessoas gostam de se conectar o tempo todo, é imprescindível que você tenha também a sua marca na internet e por lá você conseguirá aprender sobre o que atrai as pessoas para o seu negócio, bem como, mantê-las informadas sobre as novidades que você tem em seu negócio.

Seu cardápio é a chave para o sucesso

Logicamente não podemos atribuir o sucesso ou o fracasso unicamente ao que você serve, mas com certeza o que você tem a oferecer tem uma importância gigantesca para que tudo dê certo.

Não vamos entrar em itens específicos, mas podemos adiantar que você precisa ter algo diferente daquilo que a concorrência pode oferecer.

Um prato único ou diferenciado, um atendimento bom, uma higiene exemplar ou até mesmo uma forma mais chamativa para atrair os clientes podem ser os pontos mais importantes para que as pessoas te procurem e queiram experimentar o “gosto” da sua marca.

Tenha um bom plano de negócios

Um plano de negócios interessante visa ter controle sobre tudo o que já aconteceu e sobre o que ainda irá acontecer com seus investimentos, você precisa saber de onde vem e para onde vai cada centavo.

Apesar de ser uma forma diferente de negócio, um carrinho de comida também exige investimento e tem riscos, portanto você precisa saber administrar seus planejamentos para que o crescimento seja constante e você não tenha nenhuma surpresa como por exemplo, uma eventual falência.

Caso você esteja interessado na ajuda de investidores, sejam estes seus amigos, familiares ou quaisquer outras pessoas, não deixe de mostrar que o seu negócio tem potencial no mercado.

Esteja dentro da lei

Todos os tipos de negócio pagam impostos e você não terá um negócio diferente.

Sendo assim, é necessário legitimar sua empresa e deixar ela de acordo com o que a lei diz, dando personalidade jurídica ao seu carrinho de comida.

Não importa se você irá vender pasteis, sorvetes ou seja lá o que for, você precisa sempre ter a documentação em dia para que nenhum fiscal apareça no negócio e acabe com ele.

Para deixar tudo nas conformidades da lei, você só precisa ir até a prefeitura da sua cidade munido de documentos pessoais e lá eles lhe indicaram quais documentos você irá precisar fazer para ficar em dia com a justiça.

Previna-se para uma eventual aparição da vigilância sanitária, pois como o seu negócio está começando agora é dever deles fazer uma inspeção para descobrir se tudo está de acordo com os padrões de saúde do município.

Veja também:

Quanto custa um food truck?

Como montar um food truck

Chegamos ao momento da pergunta que não quer calar: quanto custa um food truck?

Temos certeza de que você está curioso para saber a respeito disso e infelizmente uma resposta definitiva você terá apenas quando definir a magnitude do seu negócio.

Você pode conseguir seus equipamentos e até o seu carrinho pela internet ou através de alguma empresa que trabalhe com isso.

Também existe a possibilidade de comprar tudo de alguém que está saindo do ramo e consequentemente está vendendo seus pertences.

Os negócios mais simples vão custar valores singelos, como 5, 10 ou 15 mil reais, enquanto os negócio mais robustos, com carros especiais e tudo mais, podem chegar a casa dos 150 mil reais, como por exemplo o furgão Splinter, da Mercedes.

Franquias de food truck

Para aqueles que pretendem entrar para o ramo e não querem ter um negócio só seu, é possível aderir a um sistema de franquias, onde você investe uma quantia e se torna representante de uma marca já conhecida.

Veja alguns exemplos:

Sobre Rodas: Uma das mais conhecidas atualmente, com um furgão chamativo e clientes específicos, que seriam as pessoas sem tempo para fazer uma refeição em casa ou em um restaurante.

Big X Picanha: Entre os lanches, sua especialidade é o que o próprio nome já sugere e os clientes são atraídos pelo furgão personalizado.

Espetinhos Mimi: Uma das marcas mais conhecidas é a espetinhos Mimi, que exige um valor de investimento na casa dos 30 mil reais e você trabalha com um carrinho pela rua.

Açaí No Ponto: Como o nome sugere, a especialidade é o açaí e os locais ideias para estacionar o furgão são em praças e parques, como a empresa sugere.

Relacionado: As 16 Melhores Franquias Baratas e Alimentação Para Investir

Considerações Finais

Por fim, podemos dizer que para montar um food truck você vai precisar de um valor variável de investimento e muita criatividade para atrair as pessoas, seja pela marca ou pelo cardápio diferenciado.

Neste artigo você teve as informações fundamentáveis para começar a planejar como será o seu negócio sobre rodas e caso você siga as nossas dicas, a chance de fazer sucesso é muito grande e dependerá apenas da sua dedicação ao negócio.

Esperamos ter ajudado, deixamos nosso desejo de sucesso e em caso de dúvidas, basta perguntar que nós lhe daremos a melhor resposta possível.

[Total: 2    Média: 3/5]
Tags
Continuar Lendo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close