Finanças

Investir no Tesouro Selic Vale a Pena? Saiba Como Funciona!

O título do Tesouro SELIC é uma das modalidades de título pós-fixado do Tesouro Direto brasileiro.

Ele é fixado à taxa SELIC, a taxa básica de juros da nossa economia, que é definido pelo COPOM (Comitê de Política Monetária) do Banco Central.

Antigamente, o título do Tesouro Direto SELIC era chamado de Letra Fixa do Tesouro, ou LFT, porém, com o intuito de simplificar o entendimento dos títulos, e de forma a atrair mais brasileiros para essa modalidade de investimento, todos os títulos do Tesouro Direto tiveram seus nomes alterados para que ficassem mais intuitivos.

Neste artigo, iremos explorar as características do Tesouro SELIC (LFT), como a sua rentabilidade, a forma de realizar os investimentos e os riscos associados.

Como funciona o Tesouro SELIC (LFT)

O Tesouro SELIC apresenta rentabilidade conforme a variação da taxa SELIC durante o período de vigência do título.

Não há pagamentos de juros semestrais como em outras modalidades, o que torna este título mais atrativo para quem tem a segurança de que não precisará resgatar o investimento antes do seu vencimento.

A variação da taxa de juros básica da economia, a taxa SELIC, entre a data da compra e a data da venda, define a rentabilidade do investimento.

Tesouro Direto Selic

Por exemplo, entre janeiro de 2010 e março de 2013, a taxa SELIC variou positivamente em 34,10% e esta foi a rentabilidade do investimento para o mesmo período.

Se o investidor vender o título antes da data do vencimento, irá ter a rentabilidade conforme a variação da SELIC entre a data da compra e da venda, no entanto, haverá uma taxa de desconto de deságio, que varia em torno de 0,01%.

Vender o título antecipadamente pode ser uma opção interessante, caso a tendência da taxa SELIC seja de queda.

Sobre o rendimento, ainda são deduzidos o imposto de renda, que é regressivo, ou seja, quanto mais tempo o investimento for mantido, menor será a dedução de IR sobre o ganho obtido.

Relacionado: Tesouro Direto x Poupança

Como investir no Tesouro SELIC (LFT)

Os investimentos no Tesouro Direto são administrados pela BM&FBOVESPA, a Bolsa de Valores de São Paulo.

Porém a compra e a venda de títulos do tesouro direto deve ser feita através de uma corretora autorizada.

O investidor interessado deve procurar uma corretora bancária ou independente para realizar o investimento em título do tesouro direto.

A escolha da corretora é um passo importante.

É preciso garantir que a mesma tenha sólida reputação no mercado para evitar riscos que comprometam os seus investimentos.

Outro ponto interessante a se avaliar são as taxas de corretagem e custódia.

Para os casos dos títulos do Tesouro Direto, por exemplo, muitas corretoras independentes, ou seja, não vinculadas aos bancos, isentam seus clientes de quaisquer taxas nas aplicações.

Características do Tesouro SELIC (LFT)

O Tesouro SELIC é a modalidade de título do Tesouro Direto mais indicada para quem pode deixar o seu investimento aplicado por um período mais extenso.

A rentabilidade, mesmo que pequena, é garantida, o que dá ao título a vantagem de ser pouco volátil e o ideal para investidores com um perfil mais conservador.

A aplicação e o resgate são processos simples, que não envolvem muitos cálculos para avaliar a rentabilidade.

É basicamente a diferença entre o preço na data da compra e o preço na data da venda que define a rentabilidade e isto oferece ao investidor a possibilidade de controle sobre este ativo, já que as variações na taxa SELIC seguem o calendário das reuniões do COPOM.

A taxa de juros brasileira é historicamente alta e acima da inflação, portanto, por característica natural, é praticamente impossível perder dinheiro com este investimento mesmo que a taxa SELIC caia.

Por exemplo, para o ano de 2017, a expectativa é de redução da taxa de juros.

No entanto, o IPCA, a medida da inflação brasileira, também está em queda, porém em um ritmo muito mais acelerado do que a queda dos juros, o que garante ao Tesouro SELIC ganho real próximo aos 7%, para este ano.

[Total: 1    Média: 5/5]
Tags
Continuar Lendo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock foi Detectado

Please consider supporting us by disabling your ad blocker