Empreendedorismo

Como Fazer um Plano de Ação de Uma Empresa

Muitas pessoas não gostam de planejar, mas quando se trata de business, elaborar um plano de ação é a chave para se concentrar nas informações certas e, claro, na ordem certa.

Isso certamente vai lhe ajudar a medir o seu progresso em relação aos seus objetivos.

A título de complementariedade deste artigo, acesse o site do SEBRAE e veja mais informações sobre como elaborar um plano de ação simples e efetivo.

Clique aqui para acessar.

O que é um plano de ação?

O plano de ação de uma empresa é um documento interno que enumera as ações que você deve realizar no dia a dia ao executar suas atividades e desenvolver sua empresa.

As iniciativas podem envolver clientes, funcionários, fornecedores e outras partes interessadas.

Abaixo você verá um passo a passo sobre como montar um plano de ação adequado às suas estratégias e intenção de negócio. Vamos lá?

1) Plano de ação: Dê um título ao seu plano

Crie um título para o seu plano de ação, datando-o e fazendo um resumo acerca do objetivo principal da sua empresa.

Pode ser também o lema da empresa, a fim de lhe auxiliar a continuar focado em seu objetivo final.

Seja o mais específico possível. Por exemplo, “A empresa Z está empenhada em fornecer à comunidade X os melhores produtos de qualidade e com menor preço na cidade Y”.

2) Defina seus objetivos comerciais

Liste todos os seus objetivos comerciais, os quais podem se referir à promoção ou ao desenvolvimento do seu negócio.

Por exemplo: realizar um plano de marketing, contratar novos funcionários, dentre outros.

Sempre dê prioridade para aquilo que é mais importante ou relevante.

A lista pode incluir tudo, desde organizar financiamento até comprar equipamentos ou veículos, contratar pessoal com experiência específica ou desenvolver um site.

Cada ação deve ser claramente descrita de modo a evitar confusão mais tarde.

3) Defina como alcançar os objetivos

Em cada um dos objetivos que você traçou na lista, insira cada ação imprescindível para o atingimento dessa finalidade.

Se a sua intenção é elaborar um site para a sua empresa, já pense no layout e no domínio.

4) Inclua um prazo final e prazo inicial no seu plano de ação

Isso é necessário para que você se motive a realizar todas as ações que propôs.

Nada de pensar em fazer um plano de ação que não seja realista e viável.

5) Calcule as despesas necessárias para as ações

Considerando todos os seus objetivos, faça um orçamento logo ao fim da sua seção de objetivos e, depois, tenha um orçamento total.

Desse modo, você ficará atento ao seu orçamento assim que finalizar cada etapa do seu plano de ação.

6) Crie um plano de receita

Identifique suas fontes de receitas, os produto ou os serviços que você vai oferecer, quantos você planeja vender e o preço que você irá cobrar.

Isso permitirá que você saiba se é possível alcançar seus objetivos financeiros.

7) Mapeie sua evolução

Onde você se encontra no momento? Onde você quer chegar?

Isso inclui seus objetivos financeiros, não financeiros e pessoais – receitas, lucros, volume de vendas, número de clientes etc.

8) Conheça seu cliente

Você conhece mesmo quem é seu cliente?

Muitas vezes você imagina um perfil de clientes para a sua empresa, mas pode estar bem enganado.

Assim, conhecer o perfil do seu cliente irá ajudá-lo a economizar tempo e dinheiro.

Este é um dos pontos mais importantes para um negócio na atualidade.

9)  Determine quais canais de distribuição você usará para sua empresa

Canais de distribuição são os locais onde você fará as transações com sua clientela.

Ele pode ser chamado de “Ponto de Venda”.

São considerados pontos de venda: varejo, internet, vendas diretas, eventos, compras por telefone (ainda que mais raras atualmente) ou por representantes.

10) Selecione as estratégias certas

No seu plano de ação deve constar as estratégias e táticas como publicidade, marketing, dentre outros.

11) Envolva sua equipe

Quanto mais funcionários estiverem envolvidos no plano de criação, melhor.

Os funcionários podem dar uma contribuição inestimável sobre as etapas necessárias para atingir seus objetivos e a melhor maneira de implementá-los.

Além disso, eles são mais propensos a trabalhar diligentemente na implementação se estiverem envolvidos no processo desde o início.

12) Estabeleça um processo de acompanhamento e medição

Você deve trazer no próprio plano como ele será acompanhado para garantir que as etapas sejam realizadas.

Isso pode incluir relatórios internos e reuniões regulares realizadas para discutir o progresso do plano.

Também especifique as medidas que você usará para rastrear a implementação.

13) Comunique o plano

Certifique-se de que todos os funcionários estejam cientes do plano de ação, incluindo seus papéis na implementação.

Explique como o plano se enquadra em sua estratégia de negócios geral.

14) Mantenha o plano de ação a todo vapor

Discutir o plano de ação com frequência é uma boa maneira de mantê-lo em funcionamento e na atenção dos funcionários.

Convide os funcionários para darem feedback sobre em que pé está a implantação do plano de ação.

Também jamais engesse o seu plano de ação. É preciso que ele seja constantemente revisado e atualizado.

Permitir que seu plano de ação seja superado pelos desenvolvimentos em sua empresa é uma maneira segura de fazê-lo cair em desuso, o que pode fazer com que sua estratégia de negócios inteira evolua.

Como se viu, um plano de ação detalha os passos concretos necessários para atingir os objetivos do seu negócio.

E ao final do ciclo que você determinar – o ideal é de que ele seja de 12 meses -, pense em criar um novo plano, até para que possa evoluir os seus objetivos ou alcançar outros, conforme vá tendo sucesso.

[Total: 1    Média: 5/5]
Tags
Continuar Lendo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close